Câmara homenageia servidores públicos e professores

Cada vereador homenageou um servidor com o Diploma de Honra ao Mérito “Vera Lúcia Gomide” e um professor com o cartão de prata “Mariléa Maluf”

A Câmara Municipal de Sacramento realizou, nesta terça-feira (03/11), sessão solene para entrega do Diploma de Honra ao Mérito “Vera Lúcia Gomide”, alusivo à comemoração do Dia do Servidor Público (28/10) e do Cartão de Prata “Professora Maria das Mercês Aparecida Maluf Ribeiro”, alusivo à comemoração do Dia do Professor (15/10).

A solenidade, bastante prestigiada, recebeu um grande público, dentre eles, maioria, de servidores públicos tanto da administração direta quanto da indireta, professores, alunos, bem como os familiares e amigos dos homenageados. O prefeito Bruno Cordeiro também compôs a mesa das autoridades, e ainda, na incumbência de representar o seu genitor, Ivan Cunha Cordeiro, servidor da Prefeitura por vários anos.

Após a execução dos Hinos Nacional e do Município, os servidores receberam o diploma. Conheça os homenageados, exceto os que os vereadores não apresentaram biografia.

- Deusdette Fortunato Silva, pelo vereador Cleber Cunha;
- o auxiliar administrativo da CMS, Wagner Ézio Bizinoto, servidor da Casa há 10 anos, pelo vereador José Maria;
- João dos Reis, servidor efetivo da Prefeitura, da área de serviços gerais e ocupa atualmente o cargo de guarda noturno na Escola Municipal Luiz Magnabosco, proferida pelo vereador primeiro-secretário da Mesa Diretora, Leandro Desemboque;
- Maria Margarete de Santana, entrou na Prefeitura no ano 1983 na gestão do então prefeito Luiz Magnabosco, no setor do Cadastro, onde atua até hoje. Por um período também trabalhou na Administração Fazendária. Indicação do vereador segundo-secretário Luiz Alberto.
- Osvair Olivério de Santana, é servidor público municipal há 25 anos. Indicação do vereador Márcio Marzola.
- Ivan Cunha Cordeiro, dentista há 52 anos, atua na rede municipal de saúde, hoje lotado na Unidade Básica de Saúde Cida Zago (Cohab), aprovado pelo Concurso Público em 1997 pela Prefeitura, porém tendo prestado serviços como contratado anteriormente a este período.
- Adriana Vieira de Menezes, pelo vereador Matheus Bizinoto.
- Walter Gonçalves Borges, começou a trabalhar na PMS em 1987 na gestão de Luiz Magnabosco, trabalhou em vários setores (Saúde, Almoxarifado, Administração, Contabilidade, Compras e Patrimônio). Atualmente ocupa o cargo de concurso e carreira como Fiscal de Posturas. Indicação pelo vereador Doutor Pedro.
- Divina Maria da Silva Peres, servidora pública há 34 anos, já trabalhou para os prefeitos José Alberto, Dídia, Joaquim, Biro, Baguá e agora com Bruno. Trabalha no Velório Municipal desde a sua construção. Indicação pelo vereador Rafael Cordeiro.

O homenageado Wagner Bizinoto falou em nome dos demais agraciados. “Os servidores são a verdadeira Administração, posto que buscam a defesa do Erário, o cumprimento das leis e a efetiva prestação de serviço ao cidadão que é o fio condutor desta relação profissional. Os servidores que hoje recebem esta distinção são merecedores porque se dedicam integralmente ao seu mister e representam a grande parcela que trabalha e que dignifica tão prestimosa classe de trabalhadores. Esta distinção, buscando valorizar o trabalho do servidor público, engrandece a classe que sofre com insanas perseguições políticas e pessoais e precisa ser mais bem compreendida, não sendo confundida com as mazelas que assolam o país inteiro.”, declarou na Tribuna Livre.

O Diploma de Honra ao Mérito “Vera Lúcia Gomide”, foi proposto pelo vereador Mateus Pereira e aprovado por todos, conforme a Resolução nº 334/2013. Vera Lúcia Gomide foi admitida no serviço público municipal em 02/01/1956 e por mais de 30 anos dedicou sua vida à administração pública municipal de Sacramento. Era por todos conhecida como “Vera da Prefeitura”. Natural de Sacramento (MG), filha de Oliviel Gomide (Livico) e de Maria das Dores Cunha Gomide, irmã de Glória e Diva. Vera desempenhava suas funções com zelo extremado, responsabilidade e fidelidade. Nasceu em 26/12/1935 e faleceu dia 03/11/2007.

Professores recebem o Cartão de Prata “Mariléa Maluf”

Proposta pelo vereador Márcio Marzola, a Resolução nº 345, de 14 de Setembro de 2015, foi aprovada por todos, onde se dá a entrega do Cartão de Prata “Professora Maria das Mercês Aparecida Maluf Ribeiro” aos professores pelos seus relevantes serviços prestados na Educação do Município. “Dona Marilea”, como era conhecida, foi professora e diretora da Escola Estadual Dr. Afonso Pena Júnior, onde, de 1951 a 1989, prestou relevantes serviços de cunho educacional e social. Foi casada com Dr. Amur Ribeiro, com quem teve 3 filhos.

Foram homenageados os seguintes professores: Agnes Carvalho Loyola (Cleber Cunha); Jair Baltazar Pinto (José Maria); Zilamar Maria Vieira (Leandro Desemboque); Maria do Carmo Chaer Borges (Luiz Alberto), aposentada, já lecionou nas escolas Barão da Rifaina, Dr. Afonso Pena Jr. e encerrou o magistério na Escola Coronel; Fábio Luiz Sebastião (Márcio Marzola), professor há 37 anos e atual diretor da Escola Sinhana Borges; Maria Amélia Alcântara (Mateus Pereira), lecionou nas escolas rurais, Educandário Eurípedes Barsanulfo, todas as escolas estaduais, Colégio Rousseau e atualmente está na Escola Coronel; Walmor Júlio Silva (Matheus Bizinoto); Julia Euripa Martins Sisconeto (Doutor Pedro), que trabalhou na Prefeitura, Escola Euripedes Barsanulfo, Barão da Rifaina, Sinhana Borges, Colégio Rousseau e Dr. Afonso Pena Jr.; e Virgínia Rita de Oliveira (Rafael Cordeiro), professora aposentada, lecionou por muitos anos na Escola Coronel e também na UNIPAC (Polo Sacramento).

Representando os professores, Maria Amélia usou a tribuna e agradeceu a homenagem, destacando principalmente a valorização da Educação: “o trabalho de um professor é pautado em quatro pilares: amor, dedicação, disciplina e paciência. Amor é gostar do que faz; Dedicação é viver a profissão, trabalhar com prazer; Disciplina, ser exemplo de conduta reta e ter envolvimento no processo de ensino-aprendizagem; Paciência, alto controle para dirigir com maestria a sala de aula”, destacou.

Outro momento da sessão se deu com a homenagem proferida do vereador Cleber Cunha ao colega vereador Luiz Alberto, através de um cartão de prata, pelos relevantes serviços prestados nos segmentos sociais e políticos, bem como pela atuação como cerimonialista e por ter recebido homenagem na cidade de Uberaba.

Após a leitura das biografias e homenagens proferidas pelos vereadores, também discursaram o prefeito Bruno Cordeiro, que cumprimentou todos os homenageados pela noite e enfatizou a importância deles para uma administração pública, e também o presidente da Câmara, Mateus Pereira. Em seu discurso deu ênfase ao cumprimento das resoluções e destacou que “a mais justa das homenagens é para os homens e mulheres que fizeram o servir como missão de vida, dedicando seu dia a dia e seu trabalho, além de seus conhecimentos técnicos e experiências profissionais, à nobre tarefa de prestar serviços à sociedade. Hoje e todos os dias reconhecemos o imenso valor desta contribuição seja para uma administração pública ou para a Educação. Sentimos orgulho de todos”, finalizou o presidente.

Antes de encerrar a sessão, o vereador e também cantor Luiz Alberto dedicou a canção “Tocando em frente” a todos os agraciados da noite.

Impossibilitado de comparecer à solenidade, o vereador Rafael Cordeiro, já havia entregado as suas homenagens, em sessão ordinária, do dia 26/10.

Daniel Afonso/CMS